Programação Campo Grande 2015

Sábado, 05 Dez

Horário Sala Sinapses
08:30 Credenciamento
09:18 Abertura Oficial – Dairton Bassi
9:30
O que é ser ágil?
TREND TALK Rafael Prikladnicki (TECNOPUC) 18 minutos
O desenvolvimento ágil surgiu como uma resposta para as diversas dificuldades vivenciadas pela indústria de software em seus projetos. Atrasos, altos custos, desperdício, excesso de requisitos, falta de motivação da equipe, entre outros fatores. Entretanto, é comum confundirmos ser ágil com ser rápido. Ser mais veloz. Errado. Nesta palestra interativa pretendo confrontar os participantes com diversas definições de agilidade que comumente encontramos na literatura e na prática para então pensar e definir, em conjunto, o que de fato significa ser ágil em desenvolvimento de software.
Como implantar agilidade em sua empresa
TREND TALK Dairton Bassi (Agile Trends) 18 minutos
A implantação de agilidade requer novas estruturas e processos que causam impacto direto no dia a dia da empresa. Porém, o maior de todos os desafios encontra-se na mudança comportamental dos envolvidos no ciclo de desenvolvimento de software. Entender como conduzir tais mudanças é essencial para que o uso de metodologias ágeis seja bem sucedido na empresa.
Rodada de discussões 18 minutos
10:30
Gestão visual para cegos
TREND TALK Jefferson Moreira (Jera) 18 minutos
Sabe aquela conversa “hypada” de gestão visual, de coisas penduradas nas paredes, que kanban é a melhor coisa do mundo e blablabla. Ok, esquece, não é disso que vou falar.Nesse “trends” quero falar como visualizar é completamente diferente de ver! Vou contar um pouco dos problemas que passei me iludindo com o uso e evangelismo de “coisas visuais” que não me leva a lugar algum, percebendo assim que a cequeira estava na “gestão” e não no visual.
XP – Trazendo felicidade pro seu trabalho
TREND TALK Robson Castilho (DigithoBrasil) 18 minutos
Você está desenvolvendo um software que nunca entra em produção? Já trabalhou por meses ou anos sem vê-lo efetivamente sendo usado por alguém? Você costuma refazer features que não funcionam ou simplesmente não atendem a real necessidade do cliente? Costuma gastar horas ou dias para corrigir bugs, fazer merges e realizar o deploy do software? Veremos, neste talk, como algumas práticas do XP podem ajudar você e seu time a entregar software de forma mais frequente e sustentável, maximizando os benefícios para seu cliente e possibilitando maior satisfação no seu trabalho.
Rodada de discussões 18 minutos
11:30 Almoço
13:30
Expectativa, objetivos e disfunções do papel Scrum Master.
TREND TALK Rafael Jaguá (Adaptworks) 18 minutos
O papel de Scrum Master é um eterno desafio. Existe uma enorme expectativa com os benefícios de uma atuação de um Scrum Master mas também há várias confusões na correta ação deste papel e isso pode fazer com que em alguns cenários haja mais malefícios do que benefícios.
Entender o seu contexto, a correta atuação de um Scrum Master e ter visão de disfunções é muito importante para a sobrevivência da Agilidade na empresa na busca por aumentar sua qualidade e maximizar o valor do retorno de suas iniciativas.
O casamento qualidade com agilidade.
TREND TALK Francisco Vasconcellos (UFMS) 18 minutos
A agilidade salienta que resultados para os clientes devem ser o foco primordial e não os processos de trabalho. Esta mensagem estabelece um contraponto a modelos de qualidade, cujo foco são os processos de trabalho, gerando debates calorosos. Esta palestra busca demonstrar que, a exemplo do casamento entre duas pessoas, o sucesso está no reconhecimento dos valores positivos da cada indivíduo e na adaptação dos negativos. O importante é colocarmos o devido peso no processo, enquanto meio de buscarmos atender melhor aos clientes e não fim ou objetivo. Empresas buscam o reconhecimento pelo mercado e modelos de qualidade servem bem a este propósito. É evidente o benefício da união destas visões, embora não seja fácil, como em qualquer casamento.
Rodada de discussões 18 minutos
14:30
Fishbowl: Design centrado no usuário
TRENDS in ACTION Samuel Cavalcante 50 minutos
Um tema que gera grandes discussões, principalmente no seu entendimento. Decisões são normalmente tomadas a partir de experiências pessoais como se o sistema fosse desenvolvido para quem o faz. Esse é o caminho? O que é Design centrado no usuário? Qual o papel do time de desenvolvimento? Quais técnicas para ser assertivo? Venha discutir conosco a sua experiência e compartilhar com outros participantes os desafios e soluções em nosso fishbowl.
15:30 Coffee-break & networking
16:00
Software em Produção pra Já!
TREND TALK Pablo Bender (Crafters) 18 minutos
Se a nossa Medida Primária de Progresso é Software Funcionando, como fazemos para colocar nosso software em produção? Infelizmente ainda é comum encontrar equipes que sofrem momentos de grande tensão para colocar o seu sistema no ar. Esta sessão irá mostrar como colocar o sistema em produção com facilidade. É importante e facilita o dia a dia de todos.
Lança logo essa pérola!
Saulo Arruda 18 minutos
Vivemos em uma era que todo mundo pode fazer software assistindo a tutoriais no YouTube. Somos superados por garotos de 14 anos e seus aplicativos bobos faturando milhares de dólares todo mês. O que eles tem de diferente? Te garanto que não é qualidade técnica. Eles entendem os seus usuários e isso não aconteceu por acaso. Em nome da qualidade muitos bons projetos demoram meses para serem lançados e perdem o tempo da oportunidade. Qualidade é necessário, mas quando você já entendeu o que seu mercado espera do seu produto. Seu processo de deploy deve ser muito mais que continuous deployment.
Rodada de discussões 18 minutos
17:00
Como desenvolver produtos que os clientes compram
TREND TALK Magno de Santana (DígithoBrasil) 18 minutos
Este talk o ajudará a aproximar-se e a entender as necessidades do consumidor, evitando despender tempo com ideias, reuniões sem fim, “achismos”, intuições e desenvolvimento de produtos que ninguém utiliza. Apresentarei conceitos e práticas para o desenvolvimento de produtos com objetivos claros de negócios, conhecimento do público-alvo e foco em entregas de valor.
Direto ao Ponto: Criando e Evoluindo o MVP
TREND TALK Leandro Farina 18 minutos

Um projeto ágil bem executado coloca ênfase em entregas de valor, de acordo com objetivos de negócios e as necessidades dos principais usuários. Promovem a liberação incremental de software – chegando ao MVP, o produto mínimo viável, ou versão mais simples de um produto que pode ser disponibilizada para o negócio. Mas como realizar o entendimento do MVP e a iniciação do projeto ágil o mais rápido possível? E como garantir que o time comece o projeto com entendimento compartilhado, direção, prioridade e um plano bem definido? Conheça nesse tutorial a técnica “Direto ao Ponto”, para compreender e planejar as entregas incrementais dos MVPs. Essa técnica organiza as ideias e funcionalidades em um modelo que ajuda a compreender o objetivo principal do produto, considerando as jornadas dos usuários e os incrementos de entrega. Com atividades eficazes e rápidas, a técnica desafia as considerações tradicionais de projeto, como análise de requisitos, estimativas, escopo, capacidade e planejamento detalhado. Você será guiado a partir de uma visão do produto criação de um plano enxuto para entregas incrementais do MVP. Um produto real será selecionado e técnicas serão apresentadas e praticadas. Ao final do tutorial os participantes terão aprendido teoria e atividades práticas sobre: visão de produto, personas, features, priorização, jornadas de usuário, mapeamento de valores, entendimento e esforço, extrapolação de estimativa, cálculo de capacidade, e compreensão e sequenciamento de MVP.

Rodada de discussões 18 minutos
18:00
One Minute Talks
KEYNOTE 30 minutos

O Agile Trends sabe que seus participantes possuem muitas experiências para compartilhar. Por isso criamos as sessões One Minute Talks, onde o palco e o microfone do Agile Trends estarão disponíveis para os participantes que quiserem compartilhar suas ideias, opiniões, falar sobre tendências, apresentar o seu negócio, contar um caso, compartilhar uma dificuldade, pedir ajuda em um problema… cada um terá 60 segundos para transmitir a sua mensagem como preferir.

18:30 Encerramento